Quinta-feira, 29 de Maio de 2008

falando de sexo – a vegetariana

sexta-feira à noite, jantar em minha casa, a “su” tinha como sempre trazido uma das suas preciosidades culinárias para jantarmos, a sua famosa lasanha (do lidl) ;)

lasanha no forno a aquecer e a conversa também, olha lá qual foi a coisa mais estranha que já te propuseram fazer na cama? quê? qual foi a coisa mais estranha, mais bizarra, mais fora do comum que já te propuseram fazer? sei lá “su”, tanta coisa ;) rimos as duas. ok, há uma que na altura achei uma loucura total e ainda hoje acho ;) sexo num elevador. e chegaste a fazer? mais ou menos, chegar chegamos mas foi tudo muito rápido e eu detesto rapidinhas, a menos que a seguir haja mais no programa ;) mas porquê essa pergunta agora? por nada em especial, estava aqui a olhar para o teu frigorifico e lembrei-me de uma coisa. para o meu frigorífico? não me digas que já fizeste dentro de um frigorífico ou te propuseram isso?  ri. não, não foi nada disso! mas já fiz uma que nunca te contei ;) riu-se envergonhada (o que é coisa para além de rara, muito difícil de acontecer). então, desembucha, conta lá o que foi? propuseram-me umas brincadeiras com uns acessórios diferentes. sim, mas o que é que isso tem a ver com o meu frigorifico? tem, no sentido em parte desses acessórios estão dentro dele! o quê?

eu explico, digamos que usamos como “dildos” frutas e vegetais. uau! grande cena! e que tal? muito giro, mas acima de tudo muito diferente. mas conta lá isso melhor que eu quero pormenores. sim, mas a lasanha já está pronta, vamos para a mesa que já te conto o resto.

fomos jantando e conversando mais sobre esta experiência transcendente, frutas e vegetais, é verdade que já tinha visto vários mails sobre o assunto ;) e até ouvido falar sobre isso, mas nunca tinha conhecido alguém que tivesse experimentado e o admitisse.

sim, foi isso, experimentei diversas coisas e digo-te que as sensações são bem diferentes ;). mas experimentaste o quê? então olha, banana, cenoura e até pepino. pepino? bem, espero que não tenha sido dos grandes ;) gargalhada. não, foi um médio ;) mas há quem use mais coisas, tipo maçarocas de milho e tudo o que tenha uma forma adequada

bem, e que tal a sensação? é interessante, mas não tem nada a ver com a coisa real nem sequer com um vibrador, é muito mais frio e arrepiante, mas é um arrepio que também consegue dar um certo prazer e depois varia a banana é mais soft, a cenoura é gelada e o pepino como deves calcular “enche tudo” e tem aqueles pontinhos salientes como alguns vibradores que são o máximo ;)

acabamos de jantar e fomos para a cozinha lavar a loiça ao sair a “su” deitou o olho para as bananas na fruteira, apenas lhe disse – não te ponhas com ideias e rimos as duas.

 

banda sonora: da weasel - toque toque
sinto-me: curiosa e espantada
publicado por diariodeumamulhermadura às 10:27

link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Segunda-feira, 19 de Maio de 2008

masturbação feminina – mitos e realidades

em mais uma das suas leituras das revistas (que ela devora por inteiro) a “su” comentava ao almoço. já viste, aqui diz que as mulheres afinal masturbam-se mais do que aquilo que se pensa. apenas não o admitem pois a masturbação feminina não é tão socialmente aceite como é a masculina. sim, e qual é a novidade? então, porque é que raio os gajo podem “esgalhar o pessegueiro” a toda a hora (adoro as expressões únicas dela, tive mesmo que lhe perguntar como é que isso se escrevia ;) ) e nós não podemos “brincar com o mexilhão”? não acho justo!

deixa-te disso, sabes bem que a maioria das mulheres podem e fazem tudo e mais alguma coisa, mas são assim tem vergonha de o admitir. e vergonha puxa vergonha e muita vergonha dá repressão. mas tu nem sequer te podes queixar, a tua nunca a tiveste ;) e ainda bem!

mas falando nisso, é uma treta essa de porem rótulos nas pessoas e principalmente nas mulheres só porque gostam disto ou daquilo, se gosta de sexo, só pode ser puta! se fala ou admite isso então é porque é de certeza! que eu saiba putas são aquelas que vendem o corpinho, ou mais propriamente pequenas partes dele, e eu não vendo nada, portanto, não sou! nem mais!

mas voltando ao assunto, e tu? quantas vezes “afagas o mexilhão”? oh “su”, que raio de pergunta. sei lá agora! algumas! às vezes apetece não é? eu sei, a mim também, no banho então, adoro longos banhos de espuma com água bem quente, musiquinha e um belo “esfreganço” para relaxar no final de um dia duro de trabalho ;) rimos as duas.

olha, sabes uma coisa? conta conta – dizia ela com aqueles olhos arregalados quase a saltar das orbitas. e, no trabalho? no trabalho? amiga, tu andas a “coçar a micose” no trabalho? cala-te lá que eu não tenho micoses! não ando, mas já o fiz, um dia estava com uma destas “tesões” pré-mestruais e como estava sozinha nem pensei duas vezes, tirei as cuecas, puxei a saia um pouco para cima, abri as pernas e foi mesmo ali à secretária. mas ninguém te topou? claro que não! seria a maior vergonhaça da minha vida. não estava ninguém, foi numa altura que estava muita gente de férias e aquilo estava calmo ;)

bem amiga, que espectáculo, tu de vez em quando ainda me consegues surpreender ;) rimos. mas e tal foi? excelente! a adrenalina estava no máximo pois apesar de estar sozinha estava sempre com um certo receio que alguém pudesse entrar e ser apanhada então foi do melhor, tive um daqueles orgasmos que parece que até fiquei sem ver. quanto na escala? ;) eu sei lá dessa tua escala, muito, muito mesmo. a cadeira quando me levantei estava toda molhada, ainda bem que é de pele senão havia de ser bonito. rimos as duas a bom rir.

eu adoro masturbar-me - dizia a “su” com aquele ar de satisfação, mas acho que é ainda melhor quando não o faço sozinha. como assim? sim, quando me masturbo para eles verem, é o máximo, ficam que nem loucos pois o trato é não me poderem tocar enquanto o faço, só ver! bem, devem rebentar! rebentam sim, rebentam comigo a seguir ;) vêm com a “gana” toda a seguir. essa não sabia, nunca experimentei, mas já vi que tenho que seguir os teus conselhos ;)

claro que sim! mas depois, já sabes, quero saber todos os pormenores ;) como sempre, como sempre!

 

banda sonora: nelly furtado - maneater
sinto-me: com ideias
publicado por diariodeumamulhermadura às 08:49

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

perfil

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

jogo do banquinho

jogo do pepino

o natal de todas as festi...

a mais poderosa das “máqu...

depilação ou sadomasoquis...

plug and play (big) adven...

só um tapinha não dói

6ª feira – lady’s night

um comboio rápido demais

engolir ou não, eis a que...

arquivos

Julho 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

pesquisar

 

segredos do diário

blogs SAPO

subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub